sexta-feira, 23 de junho de 2017

FLAGRANTES ACONTECIMENTOS QUE ABORRECEM QUEM VAI AO IGAPÓ DE LONDRINA!



Na foto vemos inúmeras pessoas que chegam às margens do Lago Igapó de Londrina em busca de lazer e se divertir com os amigos ou familiares. A afluência é grande de pessoas de toda região. Porém coisas desagradáveis é a falta de sanitários para o povão usar.
Onde havia sanitário, por descaso das autoridades municipais foi fechado e hoje é esta coisa feia ... gradeada e abandonada... entre sai prefeito, entra prefeito e tudo continua do mesmo jeito.



Quando houver necessidade de urinar ou defecar , são coisas que não tem tempo de ocorrer, de uma hora para outra isso ocorre... Fazer o quê?

O que este cidadão fez... foi até a Rua Bélgica, Córrego dos Tucanos, e se "livrou" do problema desconfortavelmente. Isto é justo?
   Este aqui tomou umas "geladas demais"... houve descontrole estomacal, correu para o matinho...
      Estava "apurado", saiu correndo da barragem do Igapó e quase não deu tempo de chegar neste lugar...

Até quando às margens do Igapó, lago da região da Gleba Palhano ( Av.Higienópolis ) , aterro do lago, vão ficar sem sanitários para uso dos frequentadores ?

MATANDO A SAUDADE: O ÚLTIMO PROGRAMA DE FLAVIO CAVALCANTI... VOCÊ SE LEMBRA?

      Uma das maiores atrações da televisão foi Flavio Cavalcanti... grandes nomes
       do mundo artístico faziam parte de seu programa. Eis o último programa dele na 
        televisão, ante de sua morte. Ele depois disso foi para junto de Deus. Todos que o viram na televisão habitualmente gostavam de vê-lo apresentando inúmeros 
           shows de grande sucesso.

O QUE É ISTO, MINHA GENTE!... PREFEITO QUER COMPRAR CARRO NOVO DE R$ 130 MIL REAIS




Os moradores de Jardim Alegre estão tristes com o prefeito que quer comprar carro novo e os vereadores, também , não concordam.


 Não é novidade nenhuma que a maioria das prefeituras do Parana e outros municípios do país – vivem com grandes dificuldades financeiras e diminuindo gastos em Jardim Alegre que não está tão alegre assim.

Em Jardim Alegre (PR), o prefeito José Roberto Furlan (PPS) enviou à Câmara um pedido para gastar R$ 130 mil na compra de um novo veículo e móveis para a prefeitura.

                                    Os vereadores acharam inoportuna a ideia. É hora para outros gastos de extremas necessidades. Ainda bem que nem os vereadores do próprio partido do prefeito apoiaram. Nada de gastos supérfluos!!!

GRANDE SUCESSO DE MARISA MONTE "VERDADE UMA ILUSÃO"...MÚSICA QUE FALA AO CORAÇÃO!

Os vídeos, as cifras, as letras e todas as informações sobre o álbum “Verdade Uma Ilusão Tour reunidas em um só lugar.

Acesse: marisamonte.com.br/pt/musica/discografia

quinta-feira, 22 de junho de 2017

AINDA HÁ TEMPO PARA SALVAR A TERRA?


Ainda há tempo para salvar o planeta? – 09.05.2017
Por milhares de anos, muitas gerações da humanidade vieram e se foram, mas a Terra continuou se renovando e sustentando a vida. Pelo menos, até agora. Após a Segunda Guerra Mundial, o mundo entrou na chamada Grande Aceleração, um período de muitas mudanças. Em mais ou menos 70 anos, houve grandes avanços nas tecnologias de transporte, de comunicação e outras, que por sua vez causaram mudanças nunca vistas na economia. Muitos hoje levam um padrão de vida que antes se considerava impossível. E, nesse meio-tempo, a população da Terra quase triplicou….
Mas tudo isso tem um custo. As atividades humanas estão sobrecarregando os ciclos naturais da Terra. De fato, alguns cientistas dizem que estamos vivendo numa época geológica chamada de Antropoceno – um período em que os humanos causam danos cada vez maiores ao planeta.
A Bíblia (??) predisse um tempo em que o homem “arruinaria a terra”. (Revelação [Apocalipse] 11:18) Alguns se perguntam se já vivemos nessa época. Quanto estrago ainda será feito? Ainda há tempo para salvar o planeta?
— Um problema irreversível?
Será que a Terra está chegando a um ponto em que os danos serão irreversíveis? Alguns cientistas acham difícil prever os efeitos das mudanças climáticas. Por isso, temem que talvez já estejamos num ponto crítico, em que os danos causados por essas mudanças provocarão resultados desastrosos.
Considere, por exemplo, a camada de gelo da Antártida Ocidental. Alguns acreditam que, se o aquecimento global continuar, chegará um ponto em que o derretimento dessa camada será irreversível. Como assim? Por natureza, o gelo reflete os raios do sol. Quando a camada de gelo derrete, acaba expondo o oceano que está abaixo dela. O oceano, por ser escuro, absorve o calor. Quanto mais oceano fica exposto, mais calor é absorvido, o que aumenta o derretimento do gelo, criando assim um círculo vicioso. O resultado é um aumento no nível do mar, o que pode significar desastres na vida de milhões de pessoas.
— O prejuízo aumenta
Várias estratégias foram criadas para lidar com a “emergência planetária” que enfrentamos. Uma delas, conhecida como “desenvolvimento sustentável”, tem como objetivo promover o crescimento social e econômico respeitando os limites ecológicos do planeta. Quais têm sido os resultados?
Infelizmente, assim como acontece com a crise na economia mundial, a dívida do homem com o planeta aumenta de modo descontrolado. Os humanos gastam os recursos do planeta mais rápido do que a Terra consegue repor esses recursos. Pode-se fazer algo a respeito? Um ecologista admite: “A verdade é que não temos a menor ideia de como administrar o planeta.”
— A Terra, nosso Lar eterno
Pyarelal, secretário de Mohandas Gandhi, citou as palavras desse falecido líder espiritual da Índia: “A Terra provê o suficiente para as necessidades de todos os homens, mas não para a sua ganância.”
A Terra é valiosa demais para ser arruinada
— Um planeta mal administrado
• Atmosfera. “Há evidências incontestáveis de que a baixa atmosfera da Terra, os oceanos e a superfície terrestre estão ficando mais quentes … A principal causa do aquecimento a partir dos anos 50 são as atividades humanas.” – Sociedade Americana de Meteorologia, 2012.
• Solo. “Quase 50% da superfície terrestre foi modificada diretamente pela ação humana, com graves danos para a biodiversidade, os ciclos de nutrientes … e o clima.” – Mudança Global e o Sistema Terra (em inglês).
• Oceanos. “Cerca de 85% das reservas de peixe do mundo já foram excessivamente exploradas, estão esgotadas ou se recuperando da exploração.” – BBC, setembro de 2012.
• Biodiversidade. “Muitos cientistas acreditam que … a culpa pela (próxima extinção em massa), talvez a mais rápida da história da Terra, recairá totalmente sobre os humanos.” – De science.nationalgeographic.com (em inglês).
— A esfera da vida
O que é a “esfera da vida”, ou biosfera? De acordo com a NASA, é “a parte da Terra e de sua atmosfera que sustenta a vida”. Como a casca de um ovo, a biosfera é uma fina camada que envolve nosso planeta.
A biosfera se compõe de seres vivos e do ambiente – a atmosfera, o solo e os oceanos -, que provê a energia e os nutrientes que esses seres necessitam para viver. Por exemplo, as plantas absorvem a energia solar e a usam para converter dióxido de carbono, água e minerais em oxigênio e alimento. Humanos e animais consomem oxigênio e alimento e liberam dióxido de carbono e outras substâncias no ambiente. E o ciclo se repete. Dessa forma, a biosfera pode sustentar a vida indefinidamente.
O impacto do aquecimento global será “grave, abrangente e irreversível”, segundo um relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas da ONU (IPCC, na sigla em inglês) divulgado nesta segunda-feira. Autoridades e cientistas reunidos no Japão afirmam que o documento é a avaliação mais completa já feita sobre o impacto das mudanças climáticas no planeta.Integrantes do IPCC dizem que até agora os efeitos do aquecimento são sentidos de forma mais acentuada pela natureza, mas que haverá um impacto cada vez maior sobre a humanidade. Mudanças climáticas vão afetar a saúde, a habitação, a alimentação e a segurança da população no planeta, segundo o relatório.O teor do documento foi alvo de intensas negociações em reuniões realizadas em Yokohama. Este é o segundo de uma série de relatórios do IPCC previstos para este ano.
O texto afirma que a quantidade de provas científicas do impacto do aquecimento global dobrou desde o último relatório, lançado em 2007.“Ninguém neste planeta ficará imune aos impactos das mudanças climáticas”, disse o diretor do IPCC, Rajendra Pachauri, a jornalistas nesta segunda-feira. O secretário-geral da Associação Mundial de Meteorologia, Michel Jarraud, disse que se no passado as pessoas estavam destruindo o planeta por ignorância, agora já não existe mais esta “desculpa”.
— Enchentes e calor
O relatório foi baseado em mais de 12 mil estudos publicados em revistas científicas. Jarraud disse que o texto é “a mais sólida evidência que se pode ter em qualquer disciplina científica”.
(imagem BBC World Service)
Nos próximos 20 a 30 anos, sistemas como o mar do Ártico estão ameaçados pelo aumento da temperatura em 2 graus Celsius. O ecossistema dos corais também pode ser prejudicado pela acidificação dos oceanos.“Ninguém neste planeta ficará imune aos impactos das mudanças climáticas.” – Rajendra Pachauri, diretor do IPCC
Na terra, animais, plantas e outras espécies vão começar a “se deslocar” para pontos mais altos, ou em direção aos polos. Um ponto específico levantado pelo relatório é a insegurança alimentar. Algumas previsões indicam perdas de mais de 25% nas colheitas de milho, arroz e trigo até 2050. Enquanto isso, a demanda por alimentos vai continuar aumentando com o crescimento da população, que pode atingir nove bilhões de pessoas até 2050.
“Na medida em que avançamos (as previsões) no futuro, os riscos só aumentam, e isso acontecerá com as pessoas, com as colheitas e com a disponibilidade de água”, disse Neil Adger, da universidade britânica de Exeter – outro cientista que assina o relatório.Enchentes e ondas de calor estarão entre os principais fatores causadores de mortes de pessoas. Trabalhadores que atuam ao ar livre – como operários da construção civil e fazendeiros – estarão entre os que mais sofrerão. Há também riscos de grandes movimentos migratórios relacionados ao clima, além de conflitos armados.
— Quem paga?
Em lugares como a África, as pessoas estarão particularmente vulneráveis. Muitos que deixaram a pobreza nos últimos anos podem voltar a ter condições de vida miseráveis.
(imagem BBC World Service)
— O que é o IPCC?
A função do Painel Intergovernamental da ONU para Mudanças Climáticas (IPCC), nas suas palavras é “suprir o mundo com visões científicas claras sobre o estado atual do conhecimento em mudanças climáticas e seus potenciais impactos ambientais e socioeconômicos”.Com o aval da ONU, a entidade já produziu quatro grandes relatórios até hoje.
O IPCC é uma organização pequena, sediada em Genebra e com uma equipe de 12 funcionários que trabalham em turno integral. Todos os cientistas que colaboram com o painel o fazem de forma voluntária.“Estes eventos são multibilionários, que precisam ser pagos pelos ricos, e existe um limite no que eles podem pagar.”Outro coautor, Chris Field, apontou que existem alguns lados positivos do relatório. Segundo ele, o mundo tem condições de administrar os riscos previstos no documento.
“Aquecimento global é algo muito importante, mas nós temos muitas ferramentas para lidar de forma eficiente com isso. Só é preciso lidar de forma inteligente com isso”, diz Field.“O relatório fornece a base científica para dizer que aqui está a conta, alguém precisa pagar, e com essas bases científicas é relativamente mais fácil ir às negociações da UNFCCC (Convenção Quadro da ONU sobre Mudanças Climáticas) e começar a costurar acordos sobre quem pagará pela adaptação do planeta.”

A MAIORIA DO STF APROVA VALIDADE DE DELEÇÃO DA JBS!

Até agora, seis do onze ministros votaram a favor da validação dos 

acordos de colaboração e optaram por manter Fachin como relator

Brasília – O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria nesta quinta-feira, 22, para manter o ministro Edson Fachin como relator da delação da JBS. A maioria dos ministros da Corte também já firmou o entendimento que cabe ao relator homologar delações.
Nesta quarta-feira, 21, os ministros Edson Fachin e Alexandre de Moraes votaram no sentido que cabe ao relator homologar acordos de colaboração premiada.
Os ministros também votaram para manter Fachin como relator da delação do Grupo J&F, holding que inclui a JBS.
O julgamento foi retomado nesta quinta-feira, quando os ministros Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Rosa Weber e Dias Toffoli acompanharam o voto de Fachin. A sessão plenária ainda não terminou.
“Se o acordo for homologado, já passa a haver direito, já passa a haver eficácia. Não é apenas na sentença que poderá haver eficácia, mas já no momento da homologação”, disse Toffoli.
Para o ministro Luís Roberto Barroso, “o Estado tem que ser leal e cumprir sua palavra, tanto quanto o colaborador, e o Estado só pode invocar a cláusula do contrato não cumprido se o colaborador não entregar aquilo a que se comprometeu”.
Barroso afirmou que é possível oferecer um benefício de delação premiada a um delator mais brando do que está previsto na legislação.
Tal comentário pode ser visto com um argumento no sentido de que não há ilegalidade em conceder o perdão judicial completo a delatores como os do grupo JBS.
“Tudo isso se insere num contexto em que a legislação penal vem flexibilizando o dogma da indisponibilidade da ação penal com a previsão penal da suspensão condicional do processo e mesmo da transação penal”, disse Barroso.
Além de manter Fachin como relator e manter a homologação que ele fez, Barroso e Fux ainda fizeram questão de deixar claro que não é possível alterar o acordo mesmo na sentença, exceto se houver descumprimento do acordo pelo delator.

Fundamentos

A ministra Rosa Weber também acompanhou o voto do relator, Edson Fachin, negando o pedido que havia sido feito pelo governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, que queria sorteio de um novo relator para a delação da JBS, e estabelecendo que cabe ao juiz que recebe a proposta de colaboração premiada fazer a homologação, e, não ao plenário.
“Endosso os fundamentos lúcidos e serenos do ministro Fachin”, disse Rosa Weber.
“Cabe ao relator, em decisão monocrática, a homologação do acordo de colaboração premiada. Reafirmo a competência do colegiado para avaliar quando, da sentença, o cumprimento dos termos e a eficácia do acordo”, disse a ministra.
O ministro Luiz Fux, por sua vez, defendeu a tese que, depois de homologada, a colaboração premiada somente terá a sua eficácia posteriormente julgada.
“Uma vez homologada, no momento do julgamento somente a eficácia da colaboração poderá ser analisada. Entendo que isso deve ficar bem claro para que no futuro não venha a se arguir a invalidade de delações premiadas”, ressaltou Fux.

HOJE É O DIA DO ORQUIDÓFILO... AS FLORES ENCANTAM A NATUREZA!



Como são belas espécies de orquídeas e bromélias .

Há espécies naturais brasileiras, estrangeiras e híbridas  

cultivadas por orquidófilos de cerca de 10 entidades de 

várias regiões.

Os orquidófilos fazem palestras técnicas e oficinas 

ecológicas sobre preservação, manejo sustentável e 

cultivo 

de orquídeas e bromélias, abertas à comunidade em geral. 

É uma bela profissão que deixa perfume nas mãos de 

quem cultiva orquídeas... quantas qualidades,quantas 

belezas... representando sensibilidade magnífica de Deus, 

pois ele quem as deixou para alegrar nossos olhos aqui na 

terra.

AS CRIANÇAS SUMIRAM DAS RUAS... POR QUÊ???


                                 Que se abram os portões de nossas residências e os adultos
                                                     brinquem com as crianças ao ar livre!




   Os tempos mudaram e a tecnologia criou mecanismos em que talvez estejam prejudicando as crianças.  Elas sumiram das ruas. Não as vemos brincando ao ar livre.  As invenções modernas prendem-nas com distrações e informações que as paralisam e impedem que elas se desenvolvam e façam brincadeiras comuns dos antigos tempos de criança. Algumas ficam sedentárias e obesas em ficar coladas na internet. Em todos os lugares há alguém de olhos no celular. Acessos aos jogos eletrônicos, contatos com pessoas, ver o que se passa no Facebook... até à noite no escuridão do quarto se nota alguém buscando coisas do celular.
Os pais também passam este mau exemplo, até na mesa das refeições ficam atentos ao celular. Cadê tempo para levar os filhos para brincar, passear, conversar? Estando em casa, deixa o celular de lado, e olhos para a televisão... noticiários, novelas, filmes e fica o vazio entre pais e filhos.

Teria que acontecer quase um milagre... voltar aos tempos passados. Romper este tipo de comportamento que leva ao isolamento... voltar ao convívio familiar e se possível as crianças voltarem à ruas.
Isto não está sendo bom e pode prejudicar sim o futuro dos jovens... cabe aos pais, igrejas, escolas... enfim a união da sociedade em busca de novos rumos para a juventude.
Que as crianças voltem a serem crianças!

ACADÊMICA DA UEL, LUANA PALHARES, RECLAMA DE JOVENS QUE NÃO CEDEM LUGARES AOS IDOSOS!




A minha sobrinha Luana palhares postou no Facebook algo que merece ser visto por todos. Parabéns ... eu te admiro ainda mais por ser jovem de coração bom!



Luana Palhares
38 minLondrina
                              Queria falar uma coisinha rápida aqui.
Hoje indo para o estágio, entro no ônibus e até aí tudo bem né? Não. 
                            Quatro moças bem plenas sentadas e ao lado em pé, se esforçando pra se segurar e não cair com o ônibus em movimento, uma senhorinha que aparentava ter uns 75 anos. Eu entrei no ônibus e ela já estava lá, nenhuma das moças cedeu o lugar e fingiam não ver a senhora ali. Assim seguiu por quase todo o caminho até o terminal, a tal senhora só conseguiu um lugar depois que outra senhora se levantou pra descer no próximo ponto. Ah, eu fico revoltada. 
                            Vocês sabem que enquanto esse tipo de coisa, aparentemente pequena, continuar rolando, nada no Brasil muda né? 
                     Era só isso mesmo. Tô indignada.

CONCORDO E ASSINO ABAIXO, POIS PARA SE MUDAR O MUNDO TEM QUE COMEÇAR COM AÇÃO RENOVADORA. CADA UM FAZENDO SUA PARTE NO EXERCÍCIO DA CIDADANIA!!!
Osvaldo

quarta-feira, 21 de junho de 2017

BLOG EDUCAÇÃO...MÁRIO SÉRGIO CORTELLA : "NÃO DEVEMOS TRANSPORTAR O ESTUDANTE ATRAVÉS DAS IDEIAS , E SIM GUIÁ-LO!"


Academia CBN - Mario Sergio Cortella

         A frase, presente nos ensinamentos do filósofo francês George Gusdorf, remete à ideia de educação como meio de emancipação, ou seja, como forma de libertação, de recusa à domesticação.

            A tarefa da educação escolar não é a de ensinar pensamentos, mas a de fazer pensar, para que o estudante dê seus próprios passos.

  • DURAÇÃO: 00:02:02
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

  • Copie o código abaixo para usar no seu site:
    Código copiado!

A educação escolar deve ser emancipadora (Crédito: Governo de SP)
A educação escolar deve ser emancipadora